Assistência Social promove discussão sobre Violência contra a Mulher (08/12/2017)

 

A mulher é vitima de muitas formas de violência, ao contrário do que pensamos não somente da violência física, por mais que essa seja a que mais ocorre, no entanto, há também a violência psicológica, a sexual, a patrimonial e a moral. O estado do Espírito Santo está entre os mais violentos do Brasil, ocupando a segunda posição conforme informações do Mapa da Violência. No tribunal de justiça do Espirito Santo há registros de mais de 54 mil processos que tratam do tema Violência contra a Mulher.

 

Boa Esperança, mesmo um município pequeno do interior, também apresenta muitos casos desse tipo de violência. “Somente nesse ano de 2017, o Centro de Referencia Especializado da Assistência Social (CREAS) já realizou 26 atendimentos às famílias, com algum tipo de violência, sendo que 85% delas não reconheciam outro tipo de violência a não ser a física”, explica a secretária Assistência Social e Cidadania, Ana Rosa Marin.

 

Com o objetivo de discutir a violência contra a mulher, a Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania (SEASC) promoveu na manhã de ontem quinta-feira (07), a Caminhada de Combate e Prevenção à Violência contra a Mulher, percorrendo parte das ruas do Centro da cidade.

 

A programação terminou à noite, no Centro de Convivência Carmelina Gera Alves, com a palestra sobre a violência contra a mulher, ministrada pelo secretário de Segurança André Garcia. 

 

A palestra contou com a participação de diversos moradores, além de alunos da Escola Santos Neves, bem como a diretora Adriana Bonatto e o professor Everaldo Lourenço.  Participaram ainda: o prefeito Lauro Vieira, vice Valdirim, secretários Ana Rosa Marin (Assistência Social), Ronaldo Lubiana (Planjamento e Gestão) e Sebastião da Rocha Lima (Educação), vereadores Cloves dos Anjos e Cleides Capetini, delegado Líbero Penello, comandante do DPM de Boa Esperança Subtenente Macedo, ex-prefeito Romualdo Milanese, entre outras lideranças regionais.

 

 

Reunião com o prefeito

Além desta programação o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social (SESP), André Garcia participou e reunião com o prefeito Lauro Vieira, vice-prefeito Valdirim, vereadores Cloves dos Anjos, Cleides Capetini e Jocemar Xavier, e os secretários municipais Ana Rosa Marin e Ronaldo Lubiana.

 

Nesta reunião, o prefeito Lauro Vieira entregou ao secretário dois ofícios, solicitando investimentos para instalação de sistema de videomonitoramento em área urbana e a construção de uma nova delegacia, uma vez que unidade policial existente apresenta sérios problemas estruturais que dificultam o seu funcionamento e reforçou o pedido de apoio policial durante a colheita do café.

 

No encontro, André Garcia enumerou diversas ações do Governo, nesta área, como aquisição novas viaturas e anunciou a realização de concursos públicos. “O governo está dando prioridade a educação, saúde e segurança pública. Compramos 350 viaturas só para Polícia Militar e mais 80 para Polícia Civil. Estamos preparando concurso público para 200 a 300 vagas para aumentar os efetivos das polícias militar e civil”, explicou o secretário.

 

Quanto ao sistema de videomonitoramento, o secretario acenou com a possibilidade de investimentos no próximo ano, com parceria do município e aumento do efetivo militar na colheita. 

“Acredito que vamos reativar o processo de videomonitoramento em 2018, aos poucos, por isso vou pedir uma equipe técnica para dimensionar o que precisa ser feito, ver o que pode ser feito para Boa Esperança. Orientar o processo que tem também uma contrapartida do município. Vamos tentar anular algumas despesas e aumentar diárias e policiais nesse período”, afirmou.

 

O prefeito anfitrião classificou como positivo o encontro e a oportunidade de debater projetos importantes para segurança. “Acredito que vamos realizar esses investimentos em parceria do Governo do Estado. Para construção da nova delegacia, dispomos de terreno e projeto para que possa ser realizada esta obra”, destacou o prefeito Lauro Vieira.